Email: geral@afp.com.pt Tel: 222 089 160 *

Administração de Vacinas e Injetáveis

 140,00 (IVA Inclúido)

Sócios: €120.00
Não Sócios: €140.00

Modalidade: b-learning (Parte teórica: plataforma e-learning com tempo em auto-gestão – horário livre; Parte prática: presencial)

Carga horária: 9H (5H e-learning + 4H presencial)

Datas:

  • Lisboa:
    • 11 de abril 2024 Horário: 9H
    • 10 de maio 1024 Horário 14H
  • Porto:
    • 19 de abril 2024 Horário: 14H
    • 03 de maio 2024 Horário:14H

Local: a definir

Cancelamento gratuito até 5 dias antes da data de início da formação

Categoria:

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

  1. Noções básicas de imunologia, resposta imunitária e tipos de imunidade.
  2. Identificar tipos de vacinas consoante via de administração (oral, nasal, intradérmica, subcutânea e intramuscular). Identificar tipos de vacinas consoante composição (simples/combinadas, replicantes/ não-replicantes, material inteiro/fracionado). Identificar dose, via de administração, local de aplicação ajustado a cada tipo de utente (grupos populacionais especiais) e intervalos de administração. Identificar contra-indicações, falsas contra-indicações e precauções especiais na utilização de cada vacina. Condições de armazenamento. Controlo da qualidade dos produtos armazenados.
  3. Identificar os principais grupos terapêuticos de medicamentos injetáveis (MI) passíveis de administração por via injetável. Identificar dose, via de administração e local de aplicação de MI ajustados a cada tipo de utente (grupos populacionais especiais). Identificar contraindicações e precauções especiais na utilização de cada medicamento. Condições de armazenagem.
  4. Legislação sobre prestação de serviços nas farmácias. Requisitos logísticos obrigatórios e recomendações para a prestação do serviço de vacinação e administração de injetáveis. Registos do doente (Farmácia e Individual). Registo e documentação da prestação do serviço. Registo de ocorrências de Reações Adversas e reporte à rede nacional de farmacovigilância.
  5. Medidas de proteção e segurança para prevenir a picada acidental. Normas e procedimentos em caso de picada acidental. Medidas de prevenção da infeção no local de administração. Material para tratamento da reação anafilática. Reações adversas no ato da vacinação e sua notificação (reação vagal; reação alérgica e choque anafilático). Procedimentos a adotar em caso de reação vagal. Procedimentos a adotar e tratamento imediato da anafilaxia. Regras de segurança. Utilização da garrafa de oxigénio e da caneta de adrenalina.
  6. Acolhimento e comunicação com o utente. Anamnese clínica. Observação e recolha de dados para despistar potenciais reações anafiláticas. Aconselhamento ao utente sobre os possíveis efeitos adversos após a administração da vacina ou medicamentos injetáveis e controlo da dor – analgesia
  7. Técnica de preparação e administração de vacinas e medicamentos injetáveis Procedimentos a ter antes da administração (preparação da administração). Técnicas de administração subcutânea. Técnicas de administração intramuscular. Procedimentos a ter após administração.
  8. Sessão prática de administração de vacinas e de medicamentos injetáveis
  9. Sessão prática de simulação de reação adversa e modo de atuação (reação vagal; reação alérgica e choque anafilático).
  10. Controlo dos equipamentos de medição e monitorização.
Scroll to Top