Email: geral@afp.com.pt Tel: 222 089 160 *

Logo Ordem dos Farmaceuticos

OF apresenta novo projeto de literacia em saúde aos farmacêuticos europeus – Notícias


A Ordem dos Farmacêuticos (OF) apresentou ontem aos representantes das associações europeias de farmacêuticos e de farmácias a recente parceria estabelecida com a Direção-Geral da Saúde para a melhoria da literacia em saúde em Portugal. Ema Paulino, da Direção Nacional da OF, revelou, durante a Assembleia Geral do Grupo Farmacêutico da União Europeia (PGEU), que esta parceria envolve o lançamento de seis cursos online interativos sobre cuidados de saúde.

O primeiro de 6 cursos à distância, sob a forma dos MOOCs
(Massive Open Online Courses), que já se encontra disponível, versa a temática
do Uso Seguro e Responsável do Medicamento, seguindo-se posteriormente “Higiene
das Mãos na Prevenção de Infeções”, “Prevenção de Úlceras por Pressão”,
“Prevenção de Quedas”; “Segurança Cirúrgica” e “Prevenção de Infeções e
Resistência aos Antibióticos”. Os membros do PGEU saudaram esta ação de
promoção de saúde, relevando o papel do farmacêutico para a contribuição de um
elevado nível de literacia em saúde.

Durante a assembleia, o Presidente do PGEU, Michał Byliniak,
apresentou as principais atividades da Associação nos últimos meses, que contou
com um elevado nível de atividade e intervenção ao nível político europeu, com
particular enfoque no acompanhamento dos dossiers relacionados com o sistema
europeu de verificação dos medicamentos, nas reuniões com as instituições
europeias, a comemoração do 60º aniversário do PGEU, e o acompanhamento do
desenvolvimento de propostas legislativas a nível comunitário.

A reunião contou também com uma apresentação por parte de
Agnès Mathieu Mendes, Chefe de Unidade Adjunto (Unidade B4) da Direção-Geral de
Saúde da Comissão Europeia, sobre as Prioridades da Comissão Europeia no setor
da saúde – impacto na farmácia comunitária.

Esta Assembleia Geral foi também marcada pela aprovação do
Position Paper do PGEU sobre o impacto dos medicamentos no meio ambiente,
reforçando o compromisso dos farmacêuticos comunitários na diminuição do
impacto dos medicamentos para a saúde pública e saúde ambiental, com particular
relevância na sensibilização da população para o correto uso dos medicamentos e
a correta gestão dos medicamentos fora de uso.

Link da fonte

Scroll to Top