Email: geral@afp.com.pt Tel: 222 089 160 *

João Lobo Antunes e António Arnaut distinguidos no Dia Mundial da Saúde – Notícias


O neurocirurgião João Lobo Antunes recebeu o colar do Prémio Nacional de Saúde, uma distinção atribuída anualmente pela Direção-Geral da Saúde (DGS) e que integra entre os membros do júri o bastonário da Ordem dos Farmacêuticos.

O neurocirurgião João Lobo Antunes recebeu o colar do Prémio Nacional de Saúde, uma distinção atribuída anualmente pela Direção-Geral da Saúde (DGS) e que integra entre os membros do júri o bastonário da Ordem dos Farmacêuticos. O prémio foi entregue durante a cerimónia comemorativa do Dia Mundial da Saúde, realizada na Sala do Senado da Assembleia da República, no dia 7 de abril. Na ocasião, o Ministério da Saúde entregou também um prémio honorário a António Arnaut e as Medalhas de Serviços Distintos a diversas personalidades ligadas ao setor da saúde.
    
No final dos discursos dos dois homenageados, o ministro da Saúde, Adalberto Campos Fernandes, anunciou que o Presidente da República irá também atribuir a Grã-Cruz da Ordem da Liberdade a João Lobo Antunes e António Arnaut, em cerimónia que ocorrerá no dia 25 de abril.

A cerimónia comemorativa do Dia Mundial da Saúde ficou ainda marcada pela assinatura de um protocolo de colaboração entre o Ministério da Saúde e a Fundação Calouste Gulbenkian (FCG) nas áreas da diabetes, infeções hospitalares, saúde mental, literacia em saúde e cuidados paliativos.

O acordo visa promover e reforçar as iniciativas que constam no relatório “Um Futuro para a Saúde – todos temos um papel a desempenhar”, que a FCG apresentou em 2014.

A Direção-Geral da Saúde assinou ainda um outro protocolo com várias entidades tendo em vista a promoção do consumo responsável e equilibrado de açúcar.

Entre as medidas previstas está a redução, a partir de janeiro, da quantidade de açúcar nos pacotes distribuídos na cafeteria e restauração, que passarão a conter entre cinco e seis gramas de açúcar, em vez dos atuais seis a oito gramas.

Intervindo na cerimónia, o comissário europeu para a Saúde e Segurança Alimentar, Vytenis Andriukaitis, elogiou a iniciativa, considerando “uma excelente ideia” e uma boa medida, que pode e deve encorajar os outros estados-membros.

Andriukaitis disse ainda que Portugal está a transmitir uma boa mensagem e a dar um bom exemplo, sublinhando a importância da luta contra a diabetes, que constituiu este ano o mote para as comemorações do Dia Mundial da Saúde.

Link da fonte

Scroll to Top