Email: geral@afp.com.pt Tel: 222 089 160 *

Itália e Áustria na presidência do PGEU – Notícias

O Grupo Farmacêutico da União Europeia (PGEU) esteve reunido em Assembleia Geral, no dia 12 de maio, para eleger os seus corpos diretivos para o próximo ano de 2022. Roberto Tobia, da Federação Italiana de Proprietários de Farmácia (Federfarma), e Raimund Podroschko, da Câmara dos Farmacêuticos da Áustria, assumem, respetivamente, a presidência e vice-presidência da organização, sucedendo aos representantes de França e Alemanha, Alain Delgutte e Mathias Arnold, que prosseguem o mandato até final do corrente ano de 2021.

No seu discurso de aceitação, o futuro presidente do PGEU, Roberto Tobia, realçou que “a pandemia revelou todos os pontos fortes e fragilidades dos nossos sistemas de saúde e tem mostrado claramente que os farmacêuticos comunitários, na linha da frente contra a COVID-19 desde o primeiro dia, são um pilar forte e indispensável, trabalhando com empenho incansável 24 horas por dia, 7 dias por semana ao serviço dos doentes”.

Tobia disse ainda que os farmacêuticos comunitários são “cruciais para a reformulação do papel da UE na saúde pública, com muitas iniciativas legislativas em curso que vão ter um impacto significativo na prática diária em farmácia, desde a revisão da legislação farmacêutica europeia até à criação de um centro de dados de saúde da UE”.

O próximo presidente do PGEU assegura que a organização vai continuar levar a a voz dos farmacêuticos comunitários europeus aos decisores políticos e restantes parceiros “Certificaremos de que as mudanças importantes na legislação de muitos países são implementadas para expandir a intervenção farmacêutica na resposta a emergências de saúde pública”.

Proprietário de uma farmácia em Palermo, na região da Sicília, Roberto Tobia é secretário nacional da Federfarma, que representa mais de 90% dos proprietários de farmácias privadas italianos, presidente da Federfarma Palermo e vice-presidente da União Técnica dos Farmacêuticos Italianos (Utifar). A Federfarma representa mais de 90% dos proprietários italianos de farmácias privadas.

O futuro vice-presidente, Raimund Podroschko, trabalha em farmácia comunitária, em Viena, Áustria. Atualmente, é presidente da Associação Austríaca de Farmacêuticos Empregados e vice-presidente da Câmara Austríaca de Farmacêuticos. É também membro do Conselho da Organização Austríaca de Verificação de Medicamentos (AMVO), chefe da Delegação Austríaca no PGEU e membro de vários comitês de saúde de organizações locais.

Link da fonte

Scroll to Top