Email: geral@afp.com.pt Tel: 222 089 160 *

Hospital de referência para a Residência Farmacêutica – Notícias

O bastonário da OF, Helder Mota Filipe, visitou o CHUC no dia 7 de fevereiro, para contactar com as equipas de farmacêuticos afetas ao Serviço de Farmácia Hospitalar e ao Serviço de Patologia Clínica. 

À chegada ao polo dos Hospitais da Universidade de Coimbra, o bastonário foi recebido pelo conselho de administração, presidido por Carlos Santos. “O CHUC é um hospital de referência também nos serviços farmacêuticos”, disse o bastonário na reunião que juntou a administração e os responsáveis do Serviço de Farmácia Hospitalar.

A comitiva da OF integrou ainda os membros da Direção Nacional, Dario Bastos Martins e Anabela Mascarenhas, presidente da Secção Regional do Centro.

Os dirigentes da OF entregaram pessoalmente ao conselho de administração, aos diretores de serviço e aos farmacêuticos residentes um exemplar do guia produzido pela OF sobre a Residência Farmacêutica em 2023.

Helder Mota Filipe sensibilizou o conselho de administração para as três áreas de intervenção farmacêutica a nível hospitalar, sublinhando a convergência com médicos e outros profissionais de saúde nas áreas das Análises Clínicas e da Genética Humana.

O representante dos farmacêuticos agradeceu a oportunidade concedida pelo CHUC para formação de farmacêuticos residentes: três em Farmácia Hospitalar, um em Análises Clínicas e outro em Genética Humana. “A profissão precisa de bandeiras, de referências positivas e a formação de farmacêuticos residentes no CHUC pode ser um desses grandes exemplos”, espera o bastonário.

A visita às instalações da Farmácia Hospitalar e do Serviço de Patologia Clínica foi conduzida pela vogal do conselho de administração, Célia Cravo, e pelos respetivos diretores, José Feio, na Farmácia Hospitalar, e Fernando Rodrigues, na Patologia Clínica.

O responsável da Farmácia Hospitalar apresentou alguns indicadores das diferentes atividades desenvolvidas no serviço, responsável pela gestão de um orçamento de cerca de 178 milhões euros em medicamentos.

O serviço foi alvo de reorganização no final de 2021 e integra hoje mais de meia centena de farmacêuticos, num total de quase 150 colaboradores. Entre as suas principais atividades, estão a preparação da medicação para cerca de 3.200 por dia, a realização de quase 600 consultas farmacêutica por dia, a dispensa em proximidade, que abrange 5.500 doentes e mais de 1.100 farmácias comunitárias, os ensaios clínicos, entre outros contributos para a sustentabilidade económico-financeira, como a implementação de um política de biossimilares, para o VIH/sida ou para as infeções intra-vítreas.

No contacto que manteve com os jovens farmacêuticos residentes, o representante da profissão registou o percurso formativo que vão realizar ao longo dos próximos quatro anos, bem como as suas principais motivações e expectativas.

Link da fonte

Scroll to Top