Email: geral@afp.com.pt Tel: 222 089 160 *

Farmacêuticos voluntários para Jornadas Mundiais da Juventude – Notícias


A organização das Jornadas Mundiais da Juventude (JMJ) 2023 está a receber candidaturas de profissionais e estudantes da área da saúde como voluntários para prestar apoio às infraestruturas de saúde que vão estar espalhadas pela cidade de Lisboa durante a realização do evento, entre 1 e 6 de agosto – equipas móveis, tenda de socorrismo, posto médico avançado e hospital de campanha.

A Ordem dos Farmacêuticos (OF) indicou um representante para integrar a equipa de saúde das JMJ, que participa ativamente nos trabalhos de definição e implementação do plano de assistência aos participantes e, em particular, na gestão do circuito do medicamento.

O Voluntariado de Saúde está aberto a profissionais e estudantes da área da Saúde e as equipas são constituídas com base nas qualificações e competências de cada voluntário – médicos enfermeiros, psicólogos, farmacêuticos ou outros profissionais de saúde com experiência em socorrismo/emergência pré-hospitalar.

Os candidatos a voluntários de saúde devem completar a sua inscrição através do formulário de candidatura disponibilizado pela organização, indicando as suas qualificações, competências e experiência profissional e disponibilidade.

A OF tinha manifestado a disponibilidade dos farmacêuticos portugueses para colaborar com o comité organizador da JMJ, nomeadamente no planeamento da assistência farmacêutica aos participantes.

O evento constitui um desafio logístico para a cidade e, de um modo particular, para os serviços públicos de saúde, tendo o Governo nomeado uma Comissão de Gestão do Plano do Ministério da Saúde para a JMJ 2023, que integra representantes dos diversos organismos do Ministério da Saúde com atribuições no domínio da saúde e da gestão dos seus meios, além de peritos nomeados a título individual, entre os quais o seu presidente, o médico anestesiologista António Marques da Silva.

Esta comissão tem vindo a efetuar o levantamento das necessidades, planificação de procedimentos e meios de resposta e elaborar um plano de resposta com reforço do sistema de vigilância epidemiológica, acesso aos distintos níveis de cuidados de saúde, referenciações e meios de contacto com os serviços de saúde.

Ciente também do desafio que pode representar a assistência farmacêutica a milhares de participantes na JMJ 2023, a OF evidenciou a disponibilidade para se associar ao evento nos moldes em que a organização entender conveniente, designadamente no que respeita ao circuito do medicamento e à respetiva cobertura farmacêutica durante o decorrer da Jornada e nos diferentes locais que acolhes as iniciativas associadas ao evento.

Em carta dirigida ao bispo D. Américo Aguiar, presidente da Fundação JMJ Lisboa 2023, o bastonário da OF, Helder Mota Filipe, destacou a importância do planeamento da cobertura assistencial farmacêutica durante evento, “salvaguardando assim a saúde e cuidados a todos os seus intervenientes”.

Link da fonte

Scroll to Top