Email: geral@afp.com.pt Tel: 222 089 160 *

Farmacêutica nomeada presidente do conselho de administração do Hospital Garcia de Horta – Notícias


A farmacêutica Teresa Luciano foi nomeada pelo Governo como nova presidente do conselho de administração do Hospital Garcia de Horta, em Almada, sucedendo assim a Luís Amaro que faleceu no passado mês de julho.

A equipa fica completa com Henrique Neves dos Santos, novo diretor clínico, e com Tiago Mendes e Patrícia Ataíde, como vogais executivos da administração . A nova enfermeira diretora será Maria Paula Franco.

Licenciada em Ciências Farmacêuticas pelas Faculdade de Farmácia da Universidade de coimbra, desde 1990, do currículo de Teresa Luciano constam também duas pós-graduações em Saúde e Desenvolvimento, pelo Instituto de Higiene e Medicina Tropical, da Universidade Nova de Lisboa, onde frequenta um doutoramento em Saúde Internacional, e em Marketing e Negócios Internacionais, pelo ISCTE – Instituto Universitário de Lisboa, bem como uma especialização no Programa Avançado para Dirigentes de Instituições de Saúde, pela Universidade de Navarra.

Do seu percurso profissional, sobressaem os cargos de Secretária Regional da Saúdo do XXI Governo Autónomo dos Açores entre julho de 2019 e novembro de 2020,  de presidente do Conselho de Administração da Unidade de Saúde de Ilha de São Miguel entre janeiro de 2018 e julho de 2019 e de vogal do Conselho de Administração do Centro Hospitalar do Algarve entre março de 2016 e setembro de 2017. Exerceu ainda o cargo de diretora executiva dos Agrupamentos de Centros de Saúde do Oeste Norte, em 2013, e da Amadora, em 2014. 

Antes disso, havia já sido nomeada como presidente do Conselho de Administração da Saudaçor, de 2006 a 2008, e coordenadora do projeto Medicamentos Genéricos do Infarmed, entre 2001 e 2002.

Foi também conselheira do diretor geral do Serviço Autónomo dos Medicamentos e Equipamentos da Saúde, em Díli, Timor, e integrou o Departamento Internacional do Grupo Tecnimede, com responsabilidades nas normas de abertura da fábrica de medicamentos oncológicos em Marrocos e na abertura da Tecnimede na Colômbia.

Link da fonte

Scroll to Top