Email: geral@afp.com.pt Tel: 222 089 160 *

CNECV debateu uso clínico de substâncias – Notícias


O Conselho Nacional de Ética para as Ciências da Vida (CNECV) e a Fundação Champalimaud organizaram uma Mesa Redonda para apresentar e debater o parecer do CNECV sobre a utilização de substâncias psicadélicas na saúde e as recomendações do Grupo de Trabalho Multidisciplinar e Multiprofissional sobre Uso Clínico de Psicadélicos, criado pela Sociedade Portuguesa de Psiquiatria e Saúde Mental e pela Fundação Champalimaud, que contou com a participação da Ordem dos Farmacêuticos, dos Médicos e dos Psicólogos.

“Substâncias Psicadélicas: da investigação à terapia, riscos e benefícios” foi o tema do evento organizado, no dia 20 de maio, na Fundação Champalimaud, em Lisboa, que registou a participação de peritos do Infarmed e da Agência Europeia do Medicamento

O parecer emitido pelo CNECV no passado mês de março apresenta várias recomendações sobre a utilização de substâncias psicadélicas na investigação clínica, na aplicação clínica e utilização na terapêutica e sobre a comunicação com decisores e sociedade.

O relatório do grupo de trabalho também reconhece os problemas gerados pelas especificidades destas substâncias, contribuindo para a construção de um uso clínico e gerador de confiança, necessário para uma utilização segura destas alternativas terapêuticas para quem dela possam beneficiar.

Este grupo de trabalho considera que a cooperação e harmonização das regulações e praticas nesta área poderá contribuir para que o uso clínico de psicadélicos possa decorrer de forma a proteger a segurança e autonomia do doente.

Clique para aceder ao Parecer do CNECV sobre aspetos éticos da utilização de substâncias psicadélicas na saúde.

Consulte também as recomendações do Grupo de Trabalho Multidisciplinar e Multiprofissional sobre Uso Clínico de Psicadélicos.

Link da fonte

Scroll to Top